logotipo operacional.pt

Arquivo do autor

PRIMEIRO-MINISTRO VISITA MILITARES PORTUGUESES NA REPÚBLICA CENTRO AFRICANA

Por • 13 Fev, 2017 • Categoria: 01. NOTÍCIAS

O Primeiro-Ministro português, António Costa, realizou a sua primeira visita às Forças Nacionais Destacadas desde que tomou posse no cargo, ontem e hoje, na República Centro Africana. Das declarações feitas à imprensa, ontem 12FEV2017, recortamos:



IRAQUE: BRIGADA MECANIZADA NA FORMAÇÃO DA GUARDA DE FRONTEIRA

Por • 9 Fev, 2017 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, PRIMEIRA PÁGINA

O 4.º Contingente Nacional formado por militares da Brigada Mecanizada está no teatro de operações do Iraque há sensivelmente 3 meses, empenhado na formação das forças de segurança locais. Integrados na Coligação Internacional liderada pelos EUA e na qual participam mais de 60 países, este é o contributo de Portugal para o combate ao Daesh no Iraque. Fazemos aqui uma actualização do que se passa no terreno com o nosso contingente.



“AIR FORCES MONTHLY”, FEVEREIRO 2017

Por • 6 Fev, 2017 • Categoria: 08. JÁ LEMOS E...

Está disponível em Portugal a edição de Fevereiro de 2017 da conceituada revista britânica “Air Forces”, a qual insere um interessante artigo sobre a Força Aérea Portuguesa, da autoria de Paulo Mata, um português bem conhecido no meio aeronáutico.



O “PRINCÍPIO DA ROTATIVIDADE” NA CHEFIA DAS FORÇAS ARMADAS

Por • 3 Fev, 2017 • Categoria: EM DESTAQUE

Para quê enunciar um princípio que não existe, deixando cair na imprensa notícias sobre a nomeação de um CEMGFA a mais de um ano de distância? Bem à portuguesa o dito “princípio” é um acordo de cavalheiros que pode sempre ser quebrado, sem o quebrarem…porque não existe! Consoante convém ao governo e ao Presidente da República ouvimos, como agora, falar desse misterioso “princípio”.



O BALÃO PUBLICITÁRIO DAS TROPAS PÁRA-QUEDISTAS

Por • 29 Jan, 2017 • Categoria: EM DESTAQUE

A divulgação pública para obter voluntários esteve na origem da aquisição do primeiro balão de ar quente pelo Corpo de Tropas Pára-quedistas em 1993. Vinte e quatro anos depois este objectivo mantém um balão a voar! Significativo ainda o contributo da instituição e de um punhado de boinas verdes, para o desenvolvimento do balonismo em Portugal. Também aqui os pára-quedistas portugueses foram pioneiros e ajudam a manter a ligação das Forças Armadas à sociedade civil.



HOMENAGEM AOS PARAQUEDISTAS FALECIDOS NA BÓSNIA

Por • 21 Jan, 2017 • Categoria: 13. MEMÓRIA DAS MISSÕES DE PAZ, EM DESTAQUE

No Regimento de Paraquedistas os boinas verdes que deram a vida pela Pátria no Ultramar são recordados pelo Monumento aos Mortos em Combate, e no Espaço Memória do Museu das Tropas Paraquedistas. Agora os paraquedistas falecidos na Bósnia e Herzegovina estão também presentes neste lugar nobre do Museu. Com a presença de familiares e amigos, esta homenagem abre um caminho que certamente será seguido para ali lembrar todos os paraquedistas que caíram nas Missões de Paz e Humanitárias.



EU ESTIVE LÁ! MEDALHA CELEBRATIVA DAS MISSÕES NA BÓSNIA

Por • 9 Jan, 2017 • Categoria: 01. NOTÍCIAS

Já está disponível ao público em geral a medalha que celebra a participação de Portugal nas diferentes missões que tiveram lugar na Bósnia e Herzegovina. O escultor José Macedo concebeu e fundiu esta peça que agora apresentamos, a qual, em contacto como o autor, pode ser obtida. Veja ainda como se fez esta medalha.



DISTINTIVO DE BRAÇO DO CURSO DE QUALIFICAÇÃO DE “PARAQUEDISTA MILITAR”

Por • 8 Jan, 2017 • Categoria: 10. DISTINTIVOS, INSÍGNIAS E CONDECORAÇÕES

Neste artigo o autor, António Sucena do Carmo, apresenta não só o distintivo que lhe dá título como transcreve importantes passagens da legislação em vigor, no respeitante a uniformes, artigos complementares, distintivos e condecorações, a qual nem sempre é correctamente seguida, com inevitáveis prejuízos no atavio e imagem dos militares.



FORÇA AÉREA PORTUGUESA DE NOVO NO MALI

Por • 4 Jan, 2017 • Categoria: 03. REPORTAGEM, EM DESTAQUE

Um Destacamento Aéreo está actualmente integrado na United Nations Multidimensional Integrated Stabilization Mission in Mali (MINUSMA), a força das Nações Unidas que actua no Mali desde 2013, com mandato renovado em 2016. Portugal regressou a este teatro de operações para uma missão de 6 meses, depois de ali ter estado em 2014 e 2015 – com aeronaves C-130 e C295M – contribuindo mais uma vez para os esforços da comunidade internacional na normalização política e militar neste país martirizado pela acção de grupos terroristas.



ESTAGNAÇÃO NOS EFECTIVOS MILITARES PARA 2017

Por • 21 Dez, 2016 • Categoria: 02. OPINIÃO

Foi hoje, 21 de Dezembro de 2016, publicado em Diário da República o Decreto-Lei n.º 84/2016, que fixa os efectivos militares para 2017, baseando os números agora aprovados, numa resolução do Conselho de Ministros do governo anterior. Pelo quarto ano consecutivo, Portugal fica, neste aspecto, indiferente às alterações de segurança internacionais e às ameaças que se aproximam da Europa.