logotipo operacional.pt

Posts com Tag ‘EMGFA’

EXERCÍCIO “BELEROFONTE 191” TESTA PRONTIDÃO NO EXÉRCITO

Por • 28 Mar, 2019 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, EM DESTAQUE

O exercício “Belerofonte 191” colocou à prova a capacidade de reacção de várias componentes do Exército para certificar a Componente Terrestre da Força de Reação Imediata (CT/FRI) do Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA), este ano assente no 1.º Batalhão de Infantaria Paraquedista da Brigada de Reação Rápida (BrigRR), integrando outras forças do ramo. O exercício decorreu de 18 a 22 de Março de 2019, e teve como objectivos primários o treino, a avaliação e a certificação desta CT/FRI. Os 5 militares do Exército que partiram para Moçambique no primeiro C-130 em 20MAR2019, saíram directamente do exercício.



APOIO MILITAR DE EMERGÊNCIA A MOÇAMBIQUE

Por • 21 Mar, 2019 • Categoria: EM DESTAQUE

A Força de Reacção Imediata (FRI) do Estado-Maior General das Forças Armadas foi activada em 20MAR2019 para nesse mesmo dia iniciar uma operação de resposta à emergência civil que se vive na região da Beira, em Moçambique, após a passagem do ciclone “Idai”. Horas após a decisão politica um C-130 da Esquadra 501 da Força Aérea Portuguesa descolou de Lisboa, já na madrugada de 21MAR. Assim se percebe porque temos que ter, sempre, militares e meios em elevado estado de prontidão.



OS COMBATES EM BAMBARI E O BAPTISMO DE FOGO DAS PANDUR II

Por • 19 Jan, 2019 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, EM DESTAQUE

O comandante da 4.ª Força Nacional Destacada (Conjunta) na RCA, Tenente-Coronel Paraquedista Óscar Fontoura, respondeu às questões do Operacional desde Bambari, sobre os combates deste início de Janeiro e o desempenho das Pandur II 8X8. A segunda cidade da Republica Centro Africana, importante nó rodoviário que controla o acesso de mercadorias à capital e ao país, com importantes recursos minerais na região, está para já livre dos grupos armados. A autoridade do Estado vai sendo reposta pelas forças da MINUSCA e Forças Armadas Centro Africanas, tendo a Força de Reacção Rápida (FRR), maioritariamente composta por Paraquedistas portugueses desempenhado um papel determinante.



JANEIRO DE 2019, PÁRA-QUEDISTAS NOVAMENTE EM COMBATE NA RCA

Por • 16 Jan, 2019 • Categoria: ., 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, 11. IMPRENSA, EM DESTAQUE

A 4.ª Força Nacional Destacada (Conjunta) que está actualmente na República Centro Africana, composta maioritariamente por militares do 2.º Batalhão de Infantaria Pára-quedista, esteve nestes primeiros dias de Janeiro de 2019, envolvida em violentos combates na região de Bambari, a cerca de 400 de Bangui, capital da República Centro Africana. Veja aqui na íntegra a entrevista sobre este assunto concedida à SIC Notícias pelo CEMGFA, Almirante Silva Ribeiro e as imagens recolhidas pelo 2.ºBIPara no teatro de operações.



ATIVIDADE OPERACIONAL DAS FORÇAS ARMADAS – 2017/2018

Por • 14 Jan, 2018 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, 11. IMPRENSA, EM DESTAQUE

Realizou-se no passado dia 9 de Janeiro uma conferência de imprensa que nos pareceu relevante, por tentar dar um novo impulso na divulgação da temática em causa, mas também pela importância que lhe foi dada com a presença dos 4 chefes militares – CEMGFA, CEMA, CEME E CEMFA – e do Ministro da Defesa Nacional. Contamos o que vimos, comentamos algumas afirmações, fazemos um balanço dos resultados alcançados e deixamos sugestões.



DEFESA NACIONAL E FORÇAS ARMADAS, O PIOR E O MELHOR DE 2017

Por • 5 Jan, 2018 • Categoria: 02. OPINIÃO, EM DESTAQUE

Foi um ano fértil em acontecimentos marcantes na área da Defesa Nacional e Forças Armadas, quer aspectos positivos como o fortíssimo empenhamento para ajudar a colmatar as graves limitações evidenciadas pelo sistema de protecção civil nacional e o comportamento operacional dos militares portugueses República Centro Africana; quer negativos como os acontecimentos ainda não totalmente esclarecidos dos Paióis Nacionais de Tancos e o comportamento subsequente de agentes militares e políticos.



IRAQUE: BRIGADA MECANIZADA NA FORMAÇÃO DA GUARDA DE FRONTEIRA

Por • 9 Fev, 2017 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI, EM DESTAQUE

O 4.º Contingente Nacional formado por militares da Brigada Mecanizada está no teatro de operações do Iraque há sensivelmente 3 meses, empenhado na formação das forças de segurança locais. Integrados na Coligação Internacional liderada pelos EUA e na qual participam mais de 60 países, este é o contributo de Portugal para o combate ao Daesh no Iraque. Fazemos aqui uma actualização do que se passa no terreno com o nosso contingente.



O “PRINCÍPIO DA ROTATIVIDADE” NA CHEFIA DAS FORÇAS ARMADAS

Por • 3 Fev, 2017 • Categoria: 02. OPINIÃO, EM DESTAQUE

Para quê enunciar um princípio que não existe, deixando cair na imprensa notícias sobre a nomeação de um CEMGFA a mais de um ano de distância? Bem à portuguesa o dito “princípio” é um acordo de cavalheiros que pode sempre ser quebrado, sem o quebrarem…porque não existe! Consoante convém ao governo e ao Presidente da República ouvimos, como agora, falar desse misterioso “princípio”.



FORÇAS PORTUGUESAS NO IRAQUE, DEZEMBRO de 2016

Por • 15 Dez, 2016 • Categoria: 04 . PORTUGAL EM GUERRA - SÉCULO XXI

As Forças Nacionais Destacadas de Portugal no Iraque, agora provenientes da Brigada Mecanizada, continuam a sua actividade em Besmayah, formando militares e polícias. Parte dos iraquianos que agora combatem em Mossul contra o Daesh, também foram treinados por militares portugueses, em cumprimento das opções políticas de Portugal, juntando-se ao combate da comunidade internacional para derrotar o auto-denominado “Estado Islâmico”.



 O QUE É UMA “MISSÃO DE PAZ E HUMANITÁRIA”?

Por • 18 Nov, 2016 • Categoria: 02. OPINIÃO

Em Portugal temos tendência para complicar coisas simples e a resposta a esta pergunta em título pode ter várias interpretações, com consequências legais muito diferentes.